Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro
Início do conteúdo da página

O Instituto de Controle do Espaço Aéreo (ICEA) participou, de 24 a 26 de outubro, do XV SITRAER (Simpósio do Transporte Aéreo), no auditório do IFMA (Instituto Federal do Maranhão).

Os principais objetivos do SITRAER foram de promover a integração entre os pesquisadores acadêmicos, a indústria e as partes interessadas do setor, além de ampliar o intercâmbio de informações sobre o tema Transporte Aéreo, Controle de Tráfego Aéreo e Infraestrutura Aeroportuária.

O ICEA participou do evento em 3 (três) oportunidades com apresentações sobre:

- Pesquisas na área de conceitos operacionais para o uso de Remotely Piloted Aircraft System (RPAS), pelo Tenente Coronel Aviador Barreto;

- Análise da influência de nova circulação e de melhorias na infraestrutura na capacidade de pista do Aeroporto Internacional de Guarulhos, pelo Tenente Almeida;

- Estimativas dos custos das emissões de CO2 proveniente do transporte aéreo: estudo de caso das rotas entre os estados do Rio de Janeiro e São Paulo, pelo Tenente Almeida.

Os dois últimos trabalhos foram realizados em parceria com o Instituto Tecnológico de Aeronáutica (ITA).
Todo o primeiro dia foi destinado ao tráfego aéreo incluindo um painel de especialistas representantes do Departamento de Controle do Espaço Aéreo (DECEA), ICEA, Instituto de Cartografia Aeronáutica (ICA), Universidade de São Paulo (USP), Universidade de Brasília (UnB), Atech – Negócios em Tecnologia, The Boeing Company e Aviação Civil da França (ENAC). No último dia do Simpósio, ocorreu a premiação dos melhores trabalhos submetidos ao evento, dentre eles o trabalho “Análise da influência de nova circulação e de melhorias na infraestrutura na capacidade de pista do Aeroporto Internacional de Guarulhos” que foi premiado como segundo melhor trabalho.

Esse trabalho avaliou a capacidade do sistema de pistas de pouso e decolagem do Aeroporto Internacional de Guarulhos (SBGR) considerando a implementação de uma nova circulação aérea e de mudança no seu layout de pista, por meio da utilização da ferramenta de simulação computacional em tempo acelerado (fast-time) TAAM (Total Airspace and Airport Modeler) visando auxiliar no processo de tomada de decisões e planejamento do aeroporto. Os resultados mostraram que mudanças no layout do sistema de pistas com a inserção de novas saídas, associada à redução na circulação aérea, poderá proporcionar o aumento de até 20,9% no número de movimentos.

 

Fim do conteúdo da página